Observatório do Bife (actualizado)

No outro dia ouvi dizer que um determinado bife era caro…

pois bem:

Acabo de criar o observatório do bife. O Objectivo é publicar por aqui os preços dos “nossos” bifes á regional. Só valem os do lombo. quero pedir a colaboração de todos e se possível juntem breve nota de avaliação entre 0 e 10.

Como já conheço alguns aqui vai:

AºLota – 15€

Ver de Mar – 18.5€

Rapotáxo – 17€

A Favorita – 20€

MDR – 14.50€

Colmeia – 21€

Assoc Agricola – 18€

Alcides – 18€

O Forno – ?

London – ?

….

por ora a Favorita vai “destacada” neste observatório! 😉

18 thoughts on “Observatório do Bife (actualizado)

  1. ja comi na Lota um bife de lombo mais barato..10 euros é o preço do bife de 200gr. e 15 o de 300gr. … se a momória não me falha .
    Nos açoreamos temos de compreender que se queremos qualidade temos de pagar por ela…e os restaurantes tambem não devem ter muito margem de manobra no preço do bife…..pois a materia prima é cara….se formos comprar uma peça de lombo ao talho tambem pagamos muito por ele… e juntar-mos a isso os acompanhamentos, o gas , a ainda o trabalho das pessoas… não me digam, 10 e 15 euros por um bife de lombo não é um preço razoavel…….

    e quem axar elevado o de lombo sempre pode pedir bifanas..ai vem um prato cheio delas, com muita batata frita e salada, numa média de 6 euros o prato em qualquer restaurante por ai.

  2. Caro Paulo,
    tem mesmo de ser só bifes de lombo? É porque andam por aí uns bifes da vazia bem melhores que alguns lombos.

    No caso dos bifes da vazia temos o mandarina ao preço de 14,5€, mas já não sei se é tão bom quanto era, pois não como lá bife há algum tempo (dois anos?).

    Falta saber o da Ass. Agrícola, do Aliança, Alcides, etc.
    Confesso que ao preço que estão prefiro comprar um naco de carne e fazê-lo na pedra e poupar uns trocos para acompanhar com um bom vinho.

  3. O do Aliança não é lombo. Se é lombo é da parte da frente da cabeça da vaca!!!Por amor de Deus. Andamos o ano passado a ver os bifes à regional. E o do bar Aliança foi o pior que comemos: Demasiado passado, o que o tornou um pocado de carne quase esturricado. Aliás parecia um bocado de carne de cozer..frita. Horrível. Levou uma cruz à porta.-pontos 1!
    O do Mandarina… a higiene, o cheiro com que as nossas roupas saem de lá…vá lá- 5.
    Associação Agrícola, embora seja um restaurante atascado – 8.
    London – 10.
    Forno – 7.

  4. O que eu quero aqui relevar é que existem preços incriveis… um bife da mesma materia prima custa num restaurante “toalha de papel” muito mais que um restaurante “toalha de linho”.. como é possivel?

    Ou seja… vamos lá a ver esses preços que acho que vamos ter muita supresa.

  5. Não há surpresas. provalvelmente a diferença para a mesma materia prima estará no ganho, ou seja, analisando o que chamam o ratio, que se mais baixo,melhor ou mais alto, pior. tudo depende do esforço que se está disposto a fazer para cativar. aguentar até quando…? com a subida do preço do lombo.

  6. Não há surpresas. provalvelmente a diferença para a mesma materia prima estará no ganho, ou seja, analisando o que chamam o ratio, que se mais baixo,melhor ou mais alto, pior. tudo depende do esforço que se está disposto a fazer para cativar. aguentar até quando…? com a subida do preço do lombo.

  7. Bom, afinal os preços da Lota são baixos(digo normais) ao contrario do que se ouve por ai.
    Estamos a falar do bife à regional onde abunda o alho a pimenta o oleo ou a manteiga e onde não se consegue sentir o verdadeiro sabor da carne.
    Como pessoalmente não sou adepto do bife à regional não dou qualquer pontuação aos bifes dos dos restaurante mencionados.
    chame a atenção para provarem o bife da Lota com o molho de quejo de São Jorge ( sente-se o sabor a carme e o sabor inconfundivel do queijo São jorge).
    O preço por kilo do lombo (Novilho Açoreano) ronda os 29€, se os restaurantes servirem bifes de 300 gramas dá 3 bifes, não conseguem ganhar muito mesmo vendendo por 20€.

  8. Há muitas maneiras de matar coelhos… se não se ganha no bife, ganha-se em outras coisas…
    Quem vai comer um bife destes concerteza nao vai beber uma aguinha…..
    Deve provavelmente acompanhá-lo com uma bela vinhaça….etc….

  9. em qualquer negocio, tudo o que se vende tem que se ganhar, se não estas-se a perder, porque as despesas são sempre as mesmas as margens e que podem ser mais ou menos. A teoria do vinho e que paga tudo esta mal, se não puder beber álcool vou deixar de comer? O que esta mal e isto vamos inflacionar as bebidas para a comida ser mais barata. Daqui a dias esta o amigo ms a dizer que pagou um fortuna pelo vinho x no rest. y. A restauração tem muitos custos. Todos querem comer muito bem, barato bom atendimento, rapidez de serviço (e se calhar uma ofertazinha), tudo isto tem custos. O tempo da carne guisada de 2º, dos bifes que se fazia de todas as partes da vaca, com uma bata tinha já la, e óptimo para o almoço rápido, mas quem vai jantar não quer, quer um bom bife de lombo com tudo que puder acompanhar. basta fazer as contas como o pacificador100g para desperdícios (limpeza da carne) e mais três bifes, junte a manteiga o alho a pimenta, gaz o cozinheiro, empregada de copa e limpeza, guardanapos e se tiverem o azar de pedir meia doze, fica 150g de carne a espera de ser vendida ou moída para rissois, la se foi o lucro de um bife. imaginam o que se perde numa cozinha diariamente. Um dia de pequenos desperdícios, resto de batata um peixe que nao se vendeu sacos de congelação e de lixo um copo que se partiu, os produtos de limpeza, um ou outro comida que se fez e não se vendeu etc pequenas coisas, só em per menores, imagine 5 euros por dia vezes 30 dias são 150 euros.(o vinho paga isto tudo)
    Faço uma pergunta, conhecem alguém que tem um restaurante( em S. Miguel) e viva só dele, que não tenha mais nada , que tenha ficado muito rico. se souberem digam, porque os fornecedores todos se queixam que tem muito dinheiro por fora e esta difícil de receber. o que não devera acontecer porque tudo o que vendem e pago na altura, será porque as despesas são cada vez maiores. Como se consegue vender um prato por 5 euros, não se ganha movimentas-se dinheiro e o fornecedor vai aguentado mais um mês, trabalha-se um mês para pagar o outro mês e vai-se vivendo a espera dos 2 meses de verão e de todos os turistas que um dia virão ámen.

  10. Com certeza é preciso saber gerir….
    Um determinado negócio pode perder dinheiro em uma parte, mas essa parte pode chamar a outra onde se ganha… e não é só vinhos….

    Mas em relação aos vinhos temos bons preços por cá, por exemplo, “O Gato Mia” tem óptimos preços para os vinhos, além de ter uma enorme variedade de vinhos com qualidade….. e a comida é manifestamente boa…. sem dúvida quero lá voltar.

    Realmente os ingredientes estão cada vez mais caros, eu não percebo nada de restauração, mas vejo isso quando vou às compras.

    No entanto, há coisas que eu não percebo, por exemplo, em São Jorge, os preços do “hiper” do Almeida são mais baratos que os do Continente de cá em vários produtos.

    No Continente consegue-se gastar menos dinheiro em um restaurante e sair de lá mais bem servido.

  11. No entanto, há coisas que eu não percebo, por exemplo, em São Jorge, os preços do “hiper” do Almeida são mais baratos que os do HiperContinente de cá em vários produtos.

    Em Portugal Continental consegue-se gastar menos dinheiro em um restaurante e sair de lá mais bem servido.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s